SAP lança plataforma para promover inclusão de egressos e reeducandos

Chamada de Reintegra, ferramenta oferece cursos online, impulsionando a capacitação do público-alvo para o mercado de trabalho

seg, 10/07/2023 - 17h46 | Do Portal do Governo
DownloadDivulgação/SAP
Entre os cursos, destacam-se os de estética e beleza, elétrica, horticultura e alimentação.

O lançamento da plataforma “Reintegra” de Educação e Orientação Profissional, desenvolvida pela Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania (CRSC) e pelo Grupo de Capacitação, Aperfeiçoamento e Empregabilidade (GCAE) da SAP foi realizado em 20 de junho, na sede II da Secretaria, no centro da capital.

O evento concretizou um projeto que promove, por meio de oportunidades de capacitação e aprendizado, a requalificação de egressos e reeducandos do sistema prisional, seus familiares e prestadores de serviço à comunidade, contribuindo para a redução da reincidência criminal. Entre os cursos, destacam-se os de estética e beleza, elétrica, horticultura e alimentação.

O evento contou com a participação do Secretário da Administração Penitenciária, Coronel Marcello Streifinger, da Deputada Estadual Mônica Seixas, da Coordenadora de Reintegração Social e Cidadania, Carolina Passos Branquinho Maracajá, da Coordenadora de Saúde do Sistema Penitenciário (CSSP), Kely Hapuque, do Diretor do Grupo de Capacitação, Aperfeiçoamento e Empregabilidade (GCAE), Diego Ferracini Lacerda, do dirigente da Quest Produções, Ricardo de Oliveira Sá, da Diretora Executiva do Instituto Ação Pela Paz, Solange Senese, e da professora da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) Luciana Ferreira da Silva – esta última ministrou a aula magna do projeto.

O Secretário Streifinger destacou que um dos desafios da SAP é fazer com que os reeducandos acreditem em seu recomeço. “O momento é de alegria, pela criação de uma plataforma que vai proporcionar para o egresso oportunidades e, especialmente para a família. Esse recomeço, que está sendo trazido por esse programa, é excepcional. O nosso problema não é para amanhã, o nosso problema é para o agora. Vamos olhar para frente e fazer o que a gente consegue fazer de agora em diante, e é isso que está sendo feito aqui hoje. Há milhares de pessoas esperando que isso aconteça, vamos proporcionar opções, chances, vamos tentar convencê-las de que vale a pena”.

Carolina Passos Branquinho Maracajá ressaltou o compromisso da secretaria em apoiar iniciativas que visam a capacitação de pessoas que passam pelo sistema penitenciário. Para ela, a plataforma “Reintegra” representa um avanço significativo nesse sentido, proporcionando acesso a conhecimentos e habilidades que podem abrir portas para um futuro melhor.

“A plataforma ‘Reintegra é um ambiente virtual que nasce com um objetivo primordial de fortalecer a oferta formativa e de fomento à geração de renda, com cursos e vídeos oficinas online, bem como registros de empreendimentos, pois sabemos que a educação e a informação são poderosos instrumentos de transformação. Gostaria de expressar minha gratidão a todos que tornaram este lançamento possível: aos profissionais envolvidos na criação e desenvolvimento da plataforma e, é claro, a todos que estão dispostos a se dedicar e acreditar em si mesmos”, ressaltou a Coordenadora.

A tecnologia tem um papel fundamental no projeto, que permitirá o acesso remoto aos cursos e recursos disponibilizados pela plataforma. Essa abordagem flexível e acessível garante que os beneficiários possam aproveitar as oportunidades de capacitação, independentemente de suas localidades ou restrições de tempo.

A parceria entre as instituições e a sociedade é importante para que os usuários tenham acesso a qualidade de vida e uma perspectiva positiva de um futuro para além do sistema prisional.

A Plataforma

Desenvolvida no âmbito do Programa de Capacitação, Aperfeiçoamento e Empregabilidade, da Coordenadoria de Reintegração Social e Cidadania, a Plataforma “Reintegra” de Educação e Orientação Profissional é uma iniciativa da Secretaria da Administração Penitenciária que visa oferecer cursos e oportunidades de capacitação para egressos do sistema penitenciário, seus familiares, prestadores de serviço à comunidade e reeducandos de unidades prisionais.

O projeto surge como uma importante ferramenta para auxiliar no processo de reintegração à sociedade, fornecendo educação e orientação profissional para um recomeço digno. A execução da plataforma contou com o apoio da Deputada Estadual Mônica Seixas, por meio de uma emenda parlamentar.

Através da plataforma, os beneficiários terão acesso a uma ampla gama de cursos e treinamentos voltados para o desenvolvimento de habilidades e competências profissionais. O objetivo é prepará-los para o mercado de trabalho, estimulando sua inclusão e oferecendo novas perspectivas de vida. Além disso, a plataforma busca fortalecer os laços familiares e criar uma rede de apoio que auxilie na reintegração dessas pessoas.

Com enfoque nas áreas de culinária, estética e beleza, elétrica e horticultura, a plataforma oferece um conjunto de videoaulas baseadas em metodologia dinâmica com foco na prática, auxiliando no processo formativo e na inclusão do público no mercado de trabalho. Há ainda vídeo-oficinas com informações relevantes e dicas para contribuir para a inclusão e permanência no mercado.

Além disso, na vitrine social, é possível ter acesso a empreendimentos e negócios sociais que fortalecem a comercialização de produtos e contratação de serviços prestados por pessoas presas, egressas e familiares.

A Plataforma “Reintegra” de Educação e Orientação Profissional pode ser acessada através do link: https://www.bkindex.com.